fbpx

Piloto da BMW fez história ao tornar-se no primeiro português a subir ao lugar mais alto do pódio no Campeonato de Turismos Alemão.

  •  Melhor fim-de-semana da carreira de António Félix da Costa no DTM
  • Piloto português soma 43 pontos com o 2º lugar de sábado e a vitória de domingo, e ascende ao 8º lugar do campeonato
  • Em Zandvoort é simultaneamente o melhor piloto BMW, aquele que mais pontos marca e o responsável pelo regresso da Schnitzer Motorsport às vitórias, afastada dos triunfos desde 2013

António Félix da Costa fez história em Zandvoort, ao tornar-se o primeiro piloto português de sempre a vencer uma corrida do DTM. O piloto da BMW fez a pole-position pela manhã e dominou toda a corrida de uma forma magnifica, obtendo uma vitória magistral, que ficará certamente marcada na memória do jovem piloto luso.
Depois de no sábado ter terminado a corrida “sprint” na 2ª posição, logo atrás do seu compatriota Marco Wittmann, Félix da Costa começou a manhã de domingo decidido a lutar pela vitória e, se bem pensou, melhor o fez, obtendo a sua primeira pole-position da carreira no DTM. Na corrida que se seguiu de imediato Félix da Costa largou para a frente, mantendo-se na liderança até ao momento de paragem nas boxes, altura em que fruto de um excelente trabalho da sua equipa Schnitzer Motorsport manteve o comando, para não mais largar até ao final, isto apesar da forte pressão imposta pelo brasileiro Augusto Farfus, que viria a terminar na 2ª posição, seguido de Bruno Spengler, num pódio 100% BMW. No final, depois de se ter ouvido “A Portuguesa” perante mais de 100 000 espectadores, AFC mostrava-se muito feliz e até emocionado:

“Quero agradecer o excelente trabalho da minha equipa Schnitzer, que esteve brilhante todo o fim-de-semana, dando-me um carro muito competitivo. Estou sem palavras. Apesar de já ter muitas vitórias na minha carreira em vários campeonatos, esta tem um grande significado para mim, pois trabalhei muito para a obter. Quero agradecer à BMW por ter a honra de pertencer a esta grande família e por mesmo nos momentos menos bons estar ao meu lado e dar-me a máxima confiança. Obrigado também a todos os ºortugueses pelo enorme carinho que senti durante todo o fim-de-semana. Foi incrível e deixa-me orgulhoso de ter tanta gente comigo!”, referiu António Félix da Costa, que venceu a corrida de Zandvoort, entrando para a história do automobilismo nacional como o único piloto luso a obter tal feito no DTM.

Com este resultado, António Félix da Costa passar a ocupar o 8º lugar do campeonato com 43 pontos, numa altura em que estão disputadas oito corridas desta temporada. O inglês Jamie Green (Audi) lidera a tabela de pontos com 81 pontos.

A próxima prova do DTM tem lugar em Red Bull Ring, na Áustria, no fim-de-semana de 31 de Julho e 1 de Agosto.

fonte: Sapo Turbo

© 2015 GRUPO AUTOINDIA |Powered by slab studio

SIGA-NOS